Indústria de Manufatura

Gestão de Desenvolvimento de Novos Produtos

Suíte que possibilita automatizar a Gestão de Desenvolvimento de Novos Produtos e suas mudanças, garantindo padronização nos processos e gestão compartilhada com os fornecedores.

Tendo como foco o atendimento às normas regulatórias do mercado, esta Suíte permite total controle sobre o cronograma dos projetos, informando automaticamente os responsáveis para que executem suas atividades dentro do prazo, além de permitir a atualização de todos os documentos alterados em função de mudanças de maneira rápida e abrangente.

 

Módulos da Suíte de Gestão de Desenvolvimento de Novos Produtos:

 

Processo de Aprovação

O Processo de Aprovação (APQP) tem a função de reunir todos os documentos que estão ligados a uma estrutura de produto (BOM), possuindo uma árvore de requisitos que contém todos os itens desta estrutura de produto (BOM na “visão da qualidade”) e o resultado dos workflows de todos os documentos relacionados a ela.

 

Fluxo de Processo

O Fluxo de Processo reúne todas as fases de um determinado processo através de uma simbologia clara, afim de melhorar a compreensão e criar normas de padrão de trabalho. Ele possui uma lista de fases dependentes entre si, e cada fase possui um ou mais STDFMEAs relacionados. Além disto é versionável e permite inclusão de anexos.

 

Plano de Controle

O Plano de Controle reúne características importantes sobre um Produto ou Processo, com o objetivo de, na inspeção, prover meios de detectar falhas no item em análise. Após a aprovação do Workflow do PFMEA, o Plano de Controle pode ser elaborado manualmente ou gerado automaticamente pelo sistema. A Rejeição de um Plano de Controle abre novamente o PFMEA, fazendo com que o Plano de Controle venha a ser reaberto após a nova aprovação do PFMEA.

 

Risco Padrão

Realiza a implementação do FMEA no âmbito de projeto, ou seja, prevê possíveis falhas na criação de Produtos e Processos, possibilitando definir ações sobre as causas a fim de reduzir assim os índices de Severidade, Ocorrência e Detecção.

 

Gestão de Risco

Realiza a previsão de possíveis falhas de forma sistematizada, possibilitando definir ações estratégicas preventivas e de melhorias, a fim de reduzir e administrar os riscos de uma operação.

 

BOM

Controla os itens da estrutura do produto seus componentes e as conexões entre eles, que constitui a base para a definição de uma atividade produtiva.